quarta-feira, março 15, 2006

A Razão de Mal a Pior

Image hosting by Photobucket
As pessoas gostam de dizer que, por muito mal que as coisas estejam, há sempre alguém que está pior que nós. Acho que isto é uma espécie de conforto. É bom saber que enquanto estão a remover um pedaço de osso que ficou encravado na nossa glote, o homem no quarto ao lado tem um tumor de 15 kg na sua bolsa testicular.
Mas a ideia de que há sempre alguém em piores circunstâncias leva-me à conclusão que, algures no mundo, há um gajo que está pior que toda a gente. Um gajo que tem seis mil milhões de pessoas à sua frente, a passar bem melhor.
Na realidade, à medida que chegamos ao fundo da pilha de gajos a passar pior que nós, torna-se cada vez mais difícil apercebermo-nos de quem está a passar realmente pior. Um cego paralítico e maníaco é pior que um corcunda paraplégico e mongolóide? É difícil de discernir...
E depois há sempre a fórmula «Mais Uma Dor de Cabeça». Não interessa o quão miserável e dolorosa possa ser a condição de uma pessoa, esta pode sempre ser pior se lhe acrescentarmos uma dor de cabeça: «Ele era pobre, ignorante, doente, só, deprimido e abandonado – e ainda por cima tinha uma dor de cabeça».
Vejam o lado positivo: a dor de cabeça pode sempre passar.

George Carlin