sábado, outubro 14, 2006

A Razão Naturalista

naturalista
O homem, um animal, recebeu da natureza um cérebro imperfeito que lhe filtra umas poucas verdades metafísicas (a noção da morte, por exemplo) que o fazem totalmente infeliz. Enquanto isso os animais perfeitos – com um cérebro que lhes impede a consciência de qualquer sentimento não-animal – divertem-se à brava.


Millôr Fernandes