quinta-feira, fevereiro 16, 2006

A Razão dos Sonhos

sonhar
É impressionante a capacidade que os mamíferos têm de inventar maneiras de enganar e sacar dinheiro a outros mamíferos. Um desses esquemas manhosos é a «interpretação de sonhos».
Basta abrir um «dicionário de sonhos» para percebermos que estamos a ser gozados: as temáticas dos sonhos estão ali todas alinhadas alfabeticamente para poderem ser rapidamente consultadas, e cada um dos temas tem uma breve explicação do seu significado.
Deixem-me dar-vos um exemplo retirado daqui:

Sonhar com Ânus
Você não deve acreditar em amigos do sexo oposto, pois poderão colocá-lo em sérias dificuldades, através de mexericos e intrigas no seu ambiente de trabalho.

Impressionante han? Por aqui vemos que há gente que sonha com olhos do cu, o que não deixa de ser muito esquisito e passível de internamento numa clínica psiquiátrica somali. Mas mais interessante que o tema do sonho é a sua explicação. O que é que tem o cu a ver com as calças? Ou melhor, o que é que tem o olho do cu a ver com a malta amiga do sexo oposto? E porque raio é que esta malta me há-de vir a chatear no meu local de emprego? E será que isso me impedirá de sair a horas?
Pessoalmente acho duvidoso que sonhar com uma coisa específica possa ter sempre o mesmo significado independentemente de quem a sonha: sonhar com as mamas da Marisa Cruz terá sempre o mesmo significado independentemente se formos um operador de ordenha mecânica em Tobursk ou um apanhador de grelos mediterrânicos na Córsega? Tenho dúvidas. Deverá haver alguma contaminação cultural nos sonhos, não? Ou querem dizer-me que sonhar que se está afagar gentilmente os glúteos de uma égua que relincha em grego antigo significa o mesmo para um beduíno do que para o João Moura? Tenham juízo...